quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Qualquer coisa?

Necessidade?
Oportunidade?
Encontro da identidade?
Reciprocidade?
Sobrepondo, indo além da vontade?

Urgência?
Ausência?
Penitência?
Consciência?
Podendo fazer, no rarefeito, surgir a consistência?

Compor,
Com posição,
Depressa
Decompor,
Depressão.

Pós-cisão,
Há sanidade,
Dê, pois, ação,
Sãos,
De ser, não hão?

Em ser, ir,
De Dizer, são,
Desertos,
De certo,
De ver, são.

Pro forma,
De forma,
Maçã, antes,
Maçante.

Deprimido,
Premido,
A "ex-pressar",
Desprezar a premência,

De predar,
Retire a primeira pedra,
Quem nunca quis presar,
Prender, Apreender,
E Aprender com a permanência.

Apesar
Do peso de toda imanência,
Eminentemente,
Minha mente, em ira,

Definitiva,
Dá por finita,

E consigo,
Seguindo,
Ciente,
De cadência,
A maior,
Em fluência,
Portando importância,
De ente entregue entre vagar, devagar divagação :
Onde estará a essência?
No ressentido da reticência,
Ou no clamor da exclamação?

Nenhum comentário:

Postar um comentário