terça-feira, 12 de março de 2013

"Cavaleriana"

Miasma* pros meus pulmões,
É como chão pra quem caminha,
Então, não existem senões,
Ruarei** por asma minha.

(*Emanação proveniente de substâncias animais ou vegetais em decomposição)

(** De "Ruar"= Andar frequentemente pelas ruas)


Nenhum comentário:

Postar um comentário