quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

(Ir)Mãos Exangues

O tempo sobra,
A soberania cobra,
A monotonia se/nos/des/dobra
Des(me)de até a  mim.
O que a  lírica manobra.

Por fim,
Daquilo pelo que vim,
Quase tudo soçobra.



Nenhum comentário:

Postar um comentário