quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Elo de quereres...

Unindo poderes,
Conectando prazeres,
Por isso comecei,
Sei,
Te assustei com meus dizeres,
Mas, se vir,
Me veres,
Terás todo o direito de gritar que errei,
Mas grite,
Conquiste com tua voz a amplidão,
Mereço uma resposta de que me gosta?
Claro que não...

Mas se não me queres,
Outras querem ver em mim,
O cantador, trovador de amor sem fim,
Personificando o que lhes falta,
Transcendo, atinjo verdade alta,

Reconheço que apelo,
Meu verbo te deixa aflita,
Mas se não for pra propagar um elo,
Nenhuma palavra merece ser dita...

Nenhum comentário:

Postar um comentário